Obrigatório visitar a Guarda em Agosto

Posted: Janeiro 10, 2012 by coordenadasgpsipg in Guarda IPG

Obrigatório visitar a Guarda em Agosto

Já foi notícia em todos os jornais nacionais e televisões. Mas para quem anda distraído e tropeçou neste blog agora, fica informado. É OBRIGATÓRIO vir à Guarda até ao dia 31 de Agosto.
Aqui ficam algumas fotos para quem ainda não se decidiu a cá vir:

Cá fora para explicar a derrapagem financeira da obra, que demorou mais tempo a ser construída que a estação do Terreiro do Paço do metro. Foram 150 anos. Por falar em metro, parece que afinal na Guarda também já há metro há muitos anos, uma linha só com 2 paragens…
Depois de vermos a casa por dentro, é hora de procurar a amada.
Está ali em cima!
Agora já está aqui. Raio de rapariga, não pára quieta!
Onde está? Onde está? Nunca a apanho!
No fim, é preciso subir uma escadaria sem fim e visitar os terraços da Sé. Porque está ali um telhado negro, foi o FMI que mandou?
Ao centro, um pouco para a esquerda penso que será o Cabeço das Fráguas.
Torre de Menagem, onde as vistas ainda são melhores que na Sé. Visita obrigatória também.
As eólicas da Guarda. A da esquerda é tímida e fugiu da fotografia.
Lá ao fundo já mandam os que lá estão!
 Estátua de  D. Sancho I, o fundador da cidade da Guarda
No vale ao fundo corre o Mondego.
Quem sabe onde isto está?

Julgamento e Morte do Galo do Entrudo

Na Guarda, de há uns anos para cá é tradição na 2º feira de Carnaval haver o “Julgamento e Morte do Galo do Entrudo”. A origem desta tradição pode ser lida aqui.Por uma ou outra razão, nunca tinha conseguido ir a este julgamento. Agora que já fui, posso dizer que é um espectáculo a não perder!

É um espectáculo multimédia, com música, fogo, números de circo e claro está, teatro, com o julgamento do Galo. Os texto estão muito bem escritos, com muitas (in)directas a filósofos gregos, malta Valente, pessoas Assiz perspicazes e muitos outros alvos!

No final, o bicho não se safou ao fogo e acabou numa canja distribuída a todos, acompanha de binhaça de Pinhel. O site do evento está aqui.

Aqui ficam algumas fotos, as possível numa máquina de flash fraquinho.

A abertura do desfile, feita a “lança-chamas”
Serão os restantes ingredientes para a canja?
A galinha prestes a ficar viúva
Felizmente a organização pensa em tudo, ninguém ficou à sede.
A Juíza e os advogados de defesa e acusação.
 Será uma das muitas amantes do Galo, que também o querem na fogueira?
Um dragão, para acender a fogueira.
Será um cherne da UE?
Garrafões com perninhas?
O carro do povo, rodeado de vários ministros. Na foto, o ministro dos Assaltos.
Sem comentários…
Finalmente o dito cujo. Apesar de estar a caminho da fogueira, continua com o mesmo ar superior e que tem toda a razão do mundo.
Aquelas penas vão arder como palha seca!
Local onde foi feito um espectáculo de circo. Assustador…
A chegada do cortejo à Praça Velha.
A Praça Velha estava muito bonita, cheia de gente e bem iluminada.
Depois de um rápido julgamento, o que todo esperávamos. O Galo, culpado de todos os males que aconteceram no última ano, preste a acabar na canja!
As ultimas penas a arderem! Para o ano, outro galo, outro condenado!

Produtos da Terra

Uma das perguntas que alguém de fora que vem à Guarda faz é: “Onde posso comprar bom queijos e bons enchidos?”Um dos locais com melhor apresentação, mais variedade, bons preços e simpatia no atendimento é a loja “Produtos da Terra“.

E chegar lá também é fácil. De carro, estacionar no C.C. Vivaci, sair pela porta do 3º piso, virar à esquerda e depois na 1º à direita. Fica logo antes da entrada na muralhas, no lado direito.

A pé, seguir para o C.C. Vivaci e seguir as instruções escritas atrás.

A loja, além de queijos e enchidos, tem também bolos regionais, pão, vinhos, azeites, doces e compotas, chás, etc.

Torre de Menagem

E nada melhor para começar este blog, do que descrever a visita ao local mais alto e visível da cidade, a Torre de Menagem, a 1056 metros de altitude!A Torre de Menagem foi alvo de obras, que incluíram a construção de um pequeno Centro de Acolhimento onde estão expostos artefactos arqueológicos que foram recolhidos no Concelho da Guarda desde a pré-história até ao século XVIII. Tem também um pequeno balcão com folhetos turísticos e livros sobre a a Guarda.

Como “promoção” de abertura foi-me oferecido um interessante livro com o titulo “Roteiro Arqueológico da Guarda – Território, Paisagens e Artefactos”, com a descrição dos Catros de Tintinolho e Jarmelo, Póvoa do Mileu e Castelo da Guarda. Quem quiser um exemplar é melhor apressar-se a visitar a Torre, pois a tiragem é de apenas 2.000 exemplares.

A visita à Torre de Menagem é guiada e começa pelo último piso, com uma vista espectacular a 360º sobre toda a cidade e arredores. Estava uma vista espectacular, com as nuvens por baixo a cobrir parte da paisagem.

No piso do meio vemos numa projecção o foral da cidade e um resumo da história da Guarda em banda desenhada, utilizando um livro de José Cortês.

No piso térreo existe um pequeno auditório com um filme sobre a Guarda em 3D. É interessante, mas na minha opinião deveria incluir algumas legendas ou locução, pois quem não é da Guarda fica sem saber o que está a ver.

Como curiosidade, na janela do 2º piso vivem actualmente 2 novos habitantes. São 2 pequenos morcegos, que aproveitaram o espaço entre a pedra e a janela para se abrigarem durante o dia. Tentei tirar uma foto, mas com o telemóvel e contra-luz foi impossível.

Para quem gosta de paisagens ou arqueologia, não deve deixar de fazer esta visita.

Para mais informações consultar:
http://vivercidadeguarda.blogspot.com/search/label/centro%20hist%C3%B3rico
Micael

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s